Celulares da Alcatel estão com aplicativos que assinam serviços e fazem cliques sem autorização

Segundo um relatório divulgada pela Upstream empresa especializada em segurança e que atua junto às operadoras de celulares, celulares da Alcatel que estão sendo vendidos no Brasil possui aplicativo que assinam serviços e também realizam cliques em propagandas sem a autorização dos usuários.

O software instalado nos aparelhos diziam ser aplicativos que informavam a previsão do tempo, mas na verdade ele baixava e acessava propagandas sem que o usuário percebesse da atividade.

Essa atividade estranha pode consumir até 250MB de tráfego diário do plano do consumidor. Além disso, o usuário fica recebendo notificações constante de notícias nas quais não foram assinadas pelo usuário.

Esse aplicativo que supostamente era um aplicativo de previsão de tempo, teve por volta de 10 milhões de downloads através do Play Store da Google. O aplicativo vinha pré-instalado nos celulares PIXI 4  e A3 Max da Alcatel.

Os cliques fantasmas

Essa atividade é muito realizada por pessoas que se cadastram em redes de publicidades e simulam anúncios veiculados em suas contas. Isso faz com que aqueles que contrataram anúncios para os seus negócios, paguem por cliques que nunca foram realizados de forma espontânea pelos usuários.

Veja a nota de posicionamento da Alcatel sobre esse tipo de atividade:

A TCL Communication trabalha em estreita colaboração com todos os seus parceiros para garantir que seus clientes desfrutem de uma ótima experiência quando usam seus dispositivos móveis. Cada aplicativo de celular desenvolvido é enviado pelo VirusTotal, que inspeciona a transmissão de cada aplicativo com mais de 70 scanners antivírus diferentes, para garantir a entrega de uma experiência segura à loja Google Play, incluindo os aplicativos que têm parceiros terceirizados adicionais, aproveitando de seus SDKs. Cada aplicativo passa pelas verificações de segurança do Google antes de ser listado na loja Google Play.

Mesmo com todas essas proteções, a empresa entende a necessidade de permanecer vigilante com a segurança de seus clientes, e é por isso que está removendo o acesso de terceiros ao SDK de seus aplicativos para celular, com exceção do Google e de outros poucos parceiros globais confiáveis e certificados. Também avaliará novos consultores de segurança que possam fornecer certificação adicional da segurança dos aplicativos de celulares que ela desenvolve.

Após a denúncia o Google Play removeu o aplicativo do Play Store.

FONTE: G1

Celulares da Alcatel estão com aplicativos que assinam serviços e fazem cliques sem autorização
Seja o Primeiro a Avaliar